Estudo dos efluentes gerados no processo de beneficiamento de rochas ornamentais em Santo Antônio de Pádua/RJ

Ramiris Petrilho Silveira, Vicente de Paulo Santos de Oliveira, Sérgio Luis Vieira do Carmo

Resumo


A região noroeste fluminense conta com um importante arranjo produtivo local no setor de beneficiamento de rochas ornamentais e de revestimento. Essa atividade é responsável por boa parte da renda local, empregando muitas pessoas. O principal produtor da região é o município de Santo Antônio de Pádua/RJ, que possui 154 empresas (78 pedreiras e 76 serrarias). A grande atividade de extração e beneficiamento das rochas vem causando na região problemas ambientais, pois durante as etapas de produção muito se perde devido a técnicas rudimentares e a deficiência no tratamento dos efluentes, o que acaba gerando impactos ao Rio Pomba, onde estes são lançados. O objetivo deste trabalho de pesquisa foi realizar um diagnóstico do uso da água no processo produtivo e a partir daí avaliar as diferentes alternativas para se ter um consumo otimizado e um tratamento dos efluentes a fim de minimizar os danos ambientais. Foram realizados alguns estudos de casos de caráter exploratório, pesquisas bibliográficas, entrevistas com proprietários, funcionários e profissionais ligadas ao setor de rochas e visitas técnicas a empresas da região. Os resultados apontam para uma falta de preparo e conhecimento técnico dos empresários e funcionários ao uso de novas tecnologias aliadas às questões ambientais no que se refere ao tratamento e consumo de água, principalmente para as pequenas empresas. 


Palavras-chave


Rochas ornamentais. Tratamento de efl uentes. Reúso.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19180/2177-4560.v10n22016p41-66

Licença Creative Commons
Os trabalhos publicados em  Boletim do Observatório Ambiental Alberto Ribeiro Lamego  estão licenciados sob uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.