Trabalho de Campo e produção de videodocumentário: pensar e fazer em Geografia – um estudo de caso na Educação Básica em Campos dos Goytacazes/RJ

  • Déborah de Souza Martins
  • Thereza Christina B.S. Cruz
Palavras-chave: Trabalho de campo, Pesquisa, Videodocumentário, Ensino de Geografia

Resumo

O presente artigo tem como objetivo apresentar uma experiência em trabalho de campo em escola de nível fundamental e médio do município de Campos dos Goytacazes/ RJ, o Colégio Estadual Nilo Peçanha (CENP), que incorpora as novas tecnologias em seu relatório final através da confecção de um videodocumentário. Aborda a necessidade de sistematizar nas instituições escolares o conhecimento empírico e teórico, num diálogo necessário entre os saberes disciplinares que muito contribuem para a compreensão da intrincada relação homem-natureza, à luz das recentes teorias que defendem a sustentabilidade, requerendo por parte de seus partícipes um constante aprimoramento pedagógico e tecnológico. O roteiro para a confecção do vídeo foi idealizado por alunos e professores da unidade escolar, contendo as observações e considerações pertinentes, selecionando-se fotos e vídeos dos locais visitados. A base deste trabalho parte da premissa da realização de uma pesquisa investigativa e crítica das formas de apropriação dos espaços naturais pela sociedade a partir da escala local, espaço de vivência dos alunos da região Norte Fluminense.

Biografia do Autor

Déborah de Souza Martins
Professora da Rede Estadual de Educação em Campos dos Goytacazes. Graduada na Licenciatura em Geografia e pós-graduanda Lato Sensu em ensino de Geografia pelo IFF Campus Campos-Centro.
Thereza Christina B.S. Cruz
Professora das Redes Estadual e Municipal de Educação, em Campos dos Goytacazes. Graduada em Licenciatura em Geografia e pós-graduanda Lato Sensu em ensino de Geografia pelo IFF Campus Campos-Centro