Propostas de indicadores ambientais na gestão de recursos hídricos na comunidade de Ponta Grossa dos Fidalgos, Lagoa Feia – RJ: utilização do Modelo Força Motriz/Pressão-Situação-Impacto-Resposta

  • Priscila Manhães Braga
  • Cristine Nunes Ferreira
Palavras-chave: Lagoa Feia. Indicadores Ambientais. Faixa Marginal de Proteção.

Resumo

A seleção de alternativas que funcionem como uma potencial ferramenta de auxílio nas tomadas de decisões entre o poder público e a sociedade civil, assim como a eficiente interlocução entre esses atores, consiste em uma das incumbências mais importante para a utilização concebível e consciente dos recursos naturais. A importância deste trabalho é estruturar uma metodologia que proporcione um entendimento da complexidade do perímetro de alagamento da Lagoa Feia, objetivando a demarcação da FMP que dê conta dos conflitos de uso de suas margens, da preservação da qualidade ambiental e da paisagem. Esse estudo possibilitará a obtenção de dados e parâmetros que poderão ser utilizados para a tomada de decisões.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Priscila Manhães Braga
Mestre em Engenharia Ambiental; Graduada em Ciências da Natureza e suas Tecnologias pelo Instituto Federal de Educação,Ciência e Tecnologia Fluminense, IF Fluminense, Brasil. Graduanda em Engenharia Ambiental pela Universidade Estácio de Sá,UNESA, Brasil.
Cristine Nunes Ferreira
Doutora em Física pela Universidade Federal Fluminense; Professora do Programa de Mestrado em Engenharia Ambiental doInstituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense, IF Fluminense, Brasil.
Como Citar
BRAGA, P. M.; FERREIRA, C. N. Propostas de indicadores ambientais na gestão de recursos hídricos na comunidade de Ponta Grossa dos Fidalgos, Lagoa Feia – RJ: utilização do Modelo Força Motriz/Pressão-Situação-Impacto-Resposta. Boletim do Observatório Ambiental Alberto Ribeiro Lamego, v. 5, n. 2, p. 11-25, 11.
Seção
Artigos originais

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##