Valoração de impactos à pesca artesanal em zonas costeiras: uma proposta metodológica para estimativas de compensação associadas a empreendimentos portuários

Autores

  • Saulo Cristiano Barbosa Instituto Federal Fluminense - Estudante do PPEA - IFF
  • Maria Inês Paes Ferreira Instituto Federal Fluminense

Palavras-chave:

Valoração ambiental. Instalações portuárias. Porto do Açu.

Resumo

A revolução técnico-científico-informacional possibilitou a fragmentação do processo produtivo a uma escala mundial. Nesse contexto, os portos se tornam fundamentais no contexto da globalização, pois promovem a integração material ao mercado global apresentando-se como uma estrutura fundamental nos arranjos espaciais. Diante da lógica de integração global, a qual necessita da infraestrutura portuária, busca-se, com o presente trabalho, sugerir a valoração econômica como instrumento de gestão ambiental aplicável aos impactos realizados por empreendimentos portuários à atividade de pesca artesanal, tendo como estudo de caso os impactos provocados pelo Superporto do Açu à prática da pesca artesanal em São João da Barra-RJ

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Saulo Cristiano Barbosa, Instituto Federal Fluminense - Estudante do PPEA - IFF

Pós-graduação Latu Senso (Femass).Estudante do Programa de Mestrado Profissional em Engenharia Ambiental (IFF). Professor da rede estadual de educação.

Maria Inês Paes Ferreira, Instituto Federal Fluminense

Possui graduação em Engenharia Química pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1985) e doutorado em Ciência e Tecnologia de Polímeros pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1994). É professora titular do IFFluminense e foi Diretora de Inovação, Pesquisa e Extensão do Campus Macaé do IFFluminense, atuando atualmente como docente permanente Programa de Pós-Graduação em Engenharia Ambiental, como Coordenadora do Programa de Pós-graduação em Engenharia Ambiental do IFFluminense e em projetos interdisciplinares nos Ensinos Técnico e Médio da instituição, aonde também atuou como professora dos cursos de Tecnologia na área de Petróleo e de Engenharia de Controle e Automação, exercendo também a função de coordenação do Núcleo de Pesquisa em Petróleo, Energia e Recursos Naturais. Coordena o Programa de Pós-graduação em Engenharia Ambiental do IFFluminense. Tem experiência na área de Engenharia Química, com ênfase em Polímeros, atuando principalmente nos seguintes temas: produção de petróleo, gestão ambiental e de recursos hídricos, educação ambiental, licenciamento ambiental e impactos ambientais, sendo também voluntária da Associação dos Amigos do PARNA Jurubatiba, ex-Presidente da Mesa Diretora da Plenária de Entidades da Macrorregião Ambiental 5 do Estado do Rio de Janeiro e ex-Subsecretária de Ambiente do Município de Macaé . É representante titular do IFFluminense na Plenária do Comitê de Bacia dos Rios Macaé e das Ostras, ocupando atualmente a função de vice-presidente do supracitado Comitê. É também representante do IFFluminense no Conselho Consultivo do PARNA Jurubatiba e na Agenda 21 de Macaé.

Downloads

Publicado

31-12-2015

Como Citar

BARBOSA, S. C.; FERREIRA, M. I. P. Valoração de impactos à pesca artesanal em zonas costeiras: uma proposta metodológica para estimativas de compensação associadas a empreendimentos portuários. Boletim do Observatório Ambiental Alberto Ribeiro Lamego, [S. l.], v. 9, n. 2, p. 69–90, 2015. Disponível em: https://essentiaeditora.iff.edu.br/index.php/boletim/article/view/2177-4560.v9n215-06. Acesso em: 7 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 > >>