Modelagem hidrológica da bacia hidrográfica do Rio Macaé utilizando o MOHID Land

Autores

  • Luiza Paula da Silva Tavares Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense
  • Jorge Barbosa da Costa  Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense
  • Francine de Almeida Kalas Universidade do Estado do Rio de Janeiro
  • Jader Lugon Junior Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

DOI:

https://doi.org/10.19180/2177-4560.v11n12017p169-181

Palavras-chave:

Modelagem hidrológica. MOHID Land. Bacia hidrográfica. Rio Macaé.

Resumo

Os eventos de cheias urbanas se destacam como um dos desastres naturais de maior abrangência no país, com efeitos locais recorrentes nas médias e grandes cidades. A utilização de modelos computacionais de variada complexidade auxilia a compreensão da dinâmica hidrológica dos corpos hídricos em análise, além de permitir a simulação de cenários de interesse. Nessa perspectiva, o objetivo do trabalho foi construir um modelo hidrológico da bacia hidrográfica do Rio Macaé (RH-VIII) utilizando o MOHID Land e visando, posteriormente, a simulação de cenários de interesse para o controle das cheias na região. A construção do modelo hidrológico contemplou as seguintes etapas: (i) definição da área de interesse; (ii) criação de modelo digital de terreno (MDT); (iii) construção das seções transversais; (iv) delineamento da rede de drenagem da bacia hidrográfica; (v) importação dos dados de precipitação; (vi) ajuste dos Coeficientes de Manning. O modelo se mostrou adequado nos primeiros testes, precisando ainda ser calibrado e validado para aplicação prática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luiza Paula da Silva Tavares, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

Especialista em Gestão Integrada de Qualidade, Segurança, Meio Ambiente e Saúde (QSMS) pela Universidade Castelo Branco. Mestranda do Programa de Pós-graduação em Engenharia Ambiental do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFFluminense) campus Macaé, Macaé/RJ - Brasil.E-mail: luizaps@gmail.com

Jorge Barbosa da Costa,  Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

Especialista em Gestão Ambiental pela Faculdade da Região dos Lagos (Ferlagos). Mestrando do Programa de Pós-graduação em Engenharia Ambiental do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFFluminense) campus Macaé, Macaé/RJ - Brasil. E-mail: jorgebarbosa1204@gmail.com.

Francine de Almeida Kalas, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Doutora em Modelagem Computacional pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Bolsista QUALITEC de Doutorado da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Instituto Politécnico, Nova Friburgo/RJ – Brasil. E-mail: francine_kalas@hotmail.com.

Jader Lugon Junior, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

Doutor em Modelagem Computacional pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) Professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFFluminense), campus Macaé, Macaé/RJ - Bral. E-mail:jlugonjr@gmail.com

Downloads

Publicado

30-10-2017

Como Citar

TAVARES, L. P. da S.; COSTA, J. B. da; KALAS, F. de A.; LUGON JUNIOR, J. Modelagem hidrológica da bacia hidrográfica do Rio Macaé utilizando o MOHID Land. Boletim do Observatório Ambiental Alberto Ribeiro Lamego, [S. l.], v. 11, n. 1, p. 169–181, 2017. DOI: 10.19180/2177-4560.v11n12017p169-181. Disponível em: https://essentiaeditora.iff.edu.br/index.php/boletim/article/view/9916. Acesso em: 28 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)