Patrimônio, memória e identidade: práticas de ensino e extensão no IFNMG campus Araçuaí

  • Fabrício Luiz Pereira IFF/Bom Jesus do Itabapoana
  • Ernani Calazans Oliveira IFNMG, campus Araçuaí
Palavras-chave: patrimˆonio, objetos biográficos, memória

Resumo

O projeto Educação Patrimonial: Memória e Identidade, realizado no Instituto Federal do Norte de Minas Gerais (IFNMG), campus Araçuaí, desenvolvido nos anos de 2017/2018, nasceu da necessidade de debater a preservação do patrimônio escolar com os estudantes. No entanto, na prática, a metodologia adotada criou um espaço para trocas de experiências para além dos bancos escolares. Através de objetos biográfcos, apresentamos a possibilidade de discutir conceitos como patrimônio, história e memória, partindo de vivências comuns e relações familiares. Como resultado, foram estabelecidas uma parceria entre a Instituição e a Secretaria de Desenvolvimento Social da cidade, uma ocina com os professores da rede pública local e ações sobre educação patrimonial com todas as turmas de ensino médio integrado do IFNMG, campus Araçuaí.

Biografia do Autor

Fabrício Luiz Pereira, IFF/Bom Jesus do Itabapoana
Mestre em História pela Universidade Federal de Ouro Preto, na Linha "poder e sociedade", com pesquisa focada em História do Brasil Colonial. Atua como professor de História no Instituto Federal Fluminense, coordenando o Centro de Memória local. 
Ernani Calazans Oliveira, IFNMG, campus Araçuaí
Artista, pesquisador, Arte educador, Mestre em Artes, Professor de Educação Básica Técnica e Tecnológica no Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais (IFNMG), campus Araçuaí. Graduação em Artes Plásticas pela Universidade Estadual de Montes Claros (2007). Pós graduado em Arte em Educação pela FINOM e Mestre em Artes pelo Prof-Artes- Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).
Publicado
16-09-2020
Seção
Relato de experiência