Os perigos da urbanização de áreas de risco: um olhar para a ocupação do bairro Parque Rodoviário na cidade de Teresina, em Piauí

  • Erisson Cruz de Melo Instituto Federal do Piauí
Palavras-chave: Projeto integrador, Urbanização, Áreas de risco, Perigos

Resumo

O processo de antropização isento de um planejamento eficiente costuma causar problemas para o ambiente, acarretando instabilidades nos ecossistemas e, por consequência, trazendo problemas para a população. Em Teresina (PI), no mês de abril de 2019, um muro que represava águas de um clube abandonado rompeu, vitimando fatalmente duas pessoas e desabrigando dezenas. O objetivo do projeto foi evidenciar os perigos decorrentes do processo de ocupação de áreas de risco, bem como os fatores que a motivam. Foram feitas pesquisas em documentos e em artigos relacionados aos temas de urbanização e de áreas de risco, com acompanhamento de matérias em portais de notícia da cidade. Além disso, foi realizada uma visita técnica ao local do ocorrido com o intuito de obter o relato de algum morador. Por fim, pode-se entender que a apropriação de zonas ambientalmente frágeis impacta diretamente o ambiente, tendo como resultados problemas econômicos e sociais.
Publicado
16-09-2020
Seção
Relato de experiência