A encenação da espera: teatro em tempos de pandemia

  • Jhenifer Cristina Amaruzza De Carvalho
  • Takna Mendonça Formaggini

Resumo

Em razão da pandemia mundial de coronavírus e a necessidade de isolamento social que ocorre desde março deste ano, várias questões colocaram-se frente ao presente projeto, enquanto um núcleo teatral que visa à pesquisa e a experimentações cênicas que se dão entre processos pessoais e grupais de construção, investigando a criação coletiva corpo/cena na criação em teatro. Essa nova realidade experimentada no imaginário social e criativo da classe teatral provocou os questionamentos que estão presentes na atual fase da pesquisa do projeto: como manter um processo de investigação e criação coletiva de trabalho corporal em um período de isolamento social? A investigação cênica seria possível de ser realizada online , dentro de um formato virtual? Na busca por propostas e possibilidades possíveis relativas à continuidade da investigação e criação em teatro, os participantes do projeto, por meio de leituras de textos e discussões virtuais, começaram a refletir sobre o momento vivenciado com o isolamento e a espera por alguma coisa, seja a contaminação por COVID-19, o fim da pandemia ou uma vacina, relacionando essa experiência ao texto dramatúrgico “Esperando Godot”, de Samuel Beckett e ao conceito de “Territórios da Espera”, ambos trazendo a ideia de que este momento de espera por algo que não se sabe exatamente o que é, não é um tempo morto, mas ao contrário, é um tempo cheio de ações e acontecimentos, e onde, segundo Breviglieri, a moradia “torna-se o palco em que os homens se voltam para o íntimo e se projetam para o espaço público”. A partir desses estudos, os participantes foram desafiados a criar e produzir arte de dentro de suas residências e compartilhar suas experiências de modo virtual. Embora estejamos em um momento de saúde pública que impediria a ação teatral de ocorrer e até mesmo os atores de investigarem e criarem cenicamente, as reflexões colhidas com as experiências realizadas demonstram como o teatro temse fortalecido e se reinventado, reafirmando a necessidade imanente de criação dos artistas e do ser humano. O contexto da pandemia vem trazendo novos olhares e caminhos para criação cênica, promovendo debates e experimentações desta prática, agora também nos meios virtuais.
Publicado
25-04-2021
Seção
Banner - Educação, Arte e Cultura