Cartografando Processos De Formação Docente Em Um Instituto Federal De Educação, Ciência E Tecnologia

  • Juliana Ladislau Maciel De Alemida
  • Emanuela Nunes Sodré

Resumo

Essa pesquisa se constituiu a partir de análises sobre as diversas demandas direcionadas à psicologia da Coordenação de Apoio ao Estudante (CAE) do Instituto Federal Fluminense campus Campos-Centro (IFF). Tais análises nos possibilitaram perceber a necessidade da construção de espaços coletivos de formação docente em que pudéssemos conversar, compartilhar e aprender com as experiências dos professores. O que possibilitou problematizações sobre a escola, as práticas docentes e a vida, problematizações essas que nos permitiram romper com entendimentos cristalizados sobre educação, formação e práticas docentes. Para tanto, nos aliamos a conceitos de autores tais como Kastrup, Dias, Rocha que trabalham com uma perspectiva da formação docente e aprendizagem inventiva, considerando-as como processos que precisam ser desnaturalizados e assim produzir outras práticas docentes. Dessa forma, criamos um curso de formação docente que se realizou por meio de encontros quinzenais, usando dispositivos como dinâmicas, textos, músicas, vídeos, proporcionando um espaço para constantes conversas e análises. A metodologia de pesquisa escolhida foi a pesquisa-intervenção, pois ela nos permite construir análises coletivas sobre os modos vigentes de ser professor e intervenções que permitam fortalecer processos de formação inventiva enquanto produção de subjetividade. Diante do percurso experimentado até aqui, foi possível perceber a construção e intensificação de vínculos entre os professores que foram se construindo nas conversas e compartilhamento de experiências nos encontros, o que resultou em aprendizagens e mudanças nas práticas dos professores
Publicado
23-06-2021
Seção
Banner - Educação e Ciências Sociais