INVESTIGAÇÃO DA DEGRADAÇÃO FOTOCATALÍTICA DE DIMETIL SULFETO EM FASE GASOSA UTILIZANDO TIO2 FOTOSSENSIBILIZADO COM H5PW10V2O40

  • Ruth Evelyn R. de Souza
  • Luís César Pass Passoni
  • Maria Cristina Canela
Palavras-chave: Fotocatálise, TiO2, Heteropoliácido

Resumo

IntroduçãoO TiO2 é um catalisador amplamente utilizado em aplicações ambientais, porém seu funcionamento depende de irradiação UV ( ~ 387 nm). Estudos têm sido realizados a fim de aumentar sua atividade na região do visível. Porém, existem poucos resultados sobre a sensibilização de TiO2 com heteropoliácidos (HPA) com aplicações em fase gasosa. O objetivo deste trabalho foi sensibilizar o TiO2 com HPA, H5PW10V2O40, para degradação do dimetil sulfeto (DMS) quando irradiado com luz visível em fase gasosa.MetodologiaUm tubo de vidro foi impregnado primeiramente com uma suspensão de TiO2 P25 1% p/v com pH=3. Sobre este filme foi impregnado o HPA utilizando uma solução aquosa  1% do H5PW10V2O40 . O tubo de vidro foi colocado dentro de um reator tubular pelo qual passava uma mistura de ar sintético e dimetil sulfeto (White Martins), com uma lâmpada central, a uma vazão de 175 mL min-1. Após o processo de adsorção, cuja concentração de saída se igualou a de entrada, a luz UV (luz negra) ou VIS (luz branca) foi acesa. A saída de gás do reator estava ligada a um cromatógrafo a gás, acoplado a um detector de ionização em chama (CG-DIC Shimadzu), com injeção automática do gás.ResultadosOs resultados mostraram que houve a conversão do DMS durante o processo fotocatalítico usando TiO2/HPA. Comparando os sistemas TiO2/UV, TiO2/HPA/UV e TiO2/HPA/VIS, considerando que a fotólise do DMS é de aproximadamente 20% e a degradação na presença apenas de TiO2 com luz visível é insignificante, pode-se afirmar o melhor resultado ocorreu no sistema TiO2/HPA/VIS, já que este apresentou uma alta taxa de degradação (80-60%) e um tempo maior de atividade docatalisador que só desativou depois de 18 horas. Neste mesmo sistema, observou-se a presença de intermediários, os quais serão analisados posteriormente.ConclusãoOs resultados mostraram que o heteropoliácido, H5PW10V2O40, quando acoplado ao TiO2, aumenta a atividade fotocatalítica do mesmo e mantém a atividade por um longo período, principalmente na presença de radiação na região de luz visível, abrindo portanto perspectivas de utilização de luz solar.