OXIGENAÇÃO EXTRACORPÓREA POR MEMBRANA EM CÃES (Canis familiaris)

  • Gisele Barreto da Silva
  • André Lacerda de Abreu Oliveira
  • Alessandra Castello Costa
Palavras-chave: ECMO, Arterio-venoso, Hematose

Resumo

Em animais com afecções pulmonares que comprometam as trocas gasosas, é necessária à utilização de técnicas alternativas a terapia convencional para que o sangue seja oxigenado fora do corpo enquanto o órgão se recupera. A ECMO é considerada uma terapia de suporte a vida assumindo em parte ou totalmente a função dos pulmões. Esse estudo visa descrever as técnicas utilizadas para avaliar a viabilidade do uso da técnica em animais com falência respiratória na rotina das clínicas. O experimento utiliza o gradiente de pressão do desvio arterio-venoso para impulsionar o sangue através do sistema. Nesse caso, o próprio coração do paciente irá impulsionar o fluxo sanguíneo através do oxigenador. O sangue será desviado pela canulação da artéria femoral e retornará ao corpo oxigenado por um cateter disposto no átrio direito por venopunção da jugular. Esse desvio foi escolhido por acreditar-se que por utilizar o próprio coração do paciente para enviar o sangue para fora do corpo, não sendo necessária à utilização da bomba e da maquina de circulação extracorpórea, diminuindo o custo dos equipamentos, por sua aparente simplicidade envolvendo menos complicações operacionais. Acreditamos que a ECMO por desvio arterio-venoso irá viabilizar a utilização desse procedimento nas clinicas veterinárias, por diminuir os riscos inerentes à oxigenação por membranas realizadas com auxilio circulatório que tende a produzir hemólise, distúrbios de coagulação, resposta inflamatória e outras complicações, devido ao alto risco do procedimento, possibilitando uma maior recuperação em pacientes com traumas e outras doenças que comprometam a hematose. A possibilidade de se oxigenar o sangue fora do corpo do paciente, não sendo preciso realizar a troca gasosa nos pulmões permitindo, neste período, o descanso e a recuperação deste órgão irá aumentar a expectativa de recuperação dos pacientes.