RELIGIÃO E ASSISTÊNCIA SOCIAL: AÇÕES PENTECOSTAIS

  • Vanessa da Silva Palagar Ribeiro
  • Wania Amélia Belchior Mesquita
Palavras-chave: Religião, Pentecostais, Assistência Social

Resumo

Introdução: Num contexto de retração das políticas sociais e de precarização do trabalho e desemprego, as igrejas pentecostais oferecem mais do que um serviço religioso que pode atenuar os problemas de integração social. Trabalhando para além da referência religiosa, alguns segmentos evangélicos constroem redes de proteção socialque servem para o enfrentamento da situação de pobreza de seus fiéis (Mesquita 2003; Mariz, 1987). A pesquisa busca investigar o campo de atuação dos pentecostais nasfavelas de Campos dos Goytacazes, enfatizando a dimensão política da assistência social nas igrejas. Procura-se compreender e interpretar, como os grupos religiosos atuam face aos problemas sociais que se apresentam no cotidiano dos moradores de favelas.Metodologia: A pesquisa é desenvolvida em três favelas a partir da realização do trabalho campo. Primeiramente, é realizado um levantamento das atividades desenvolvidas pelas igrejas que envolvem as ações de assistência social. Também se realiza a observação participante dos cultos como forma de aproximação das instituições. Posteriormente será aplicado questionário junto aos dirigentes religiosos e, por fim, serão efetivadas entrevistas semi-estruturadas com diretores de instituições de assistência social de confissão pentecostal, bem como os pastores dessas denominações. Resultados: como a pesquisa está em fase inicial foi possível até o momento observar a existência de ações direcionadas a pré-adolescentes moradores de favela, sendo, porém,contatados agentes religiosos que desenvolvem projetos assistenciais. Conclusão: Com a fase de levantamento das atividades um ponto se faz presente, a saber: a construção do indivíduo a partir do envolvimento em uma instância moral. Isto pode ser mais bem investigado e apresentado posteriormente de modo mais consistente.