A INFLUÊNCIA DAS CONDIÇÕES SOCIOECONÔMICAS NO DESEMPENHO DOS PARTICIPANTES DO ENEM NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Autores

  • Alda Pinto Silva
  • T. L.S. Reid
  • M. G. Ney

Palavras-chave:

Desigualdade de Oportunidade, Educação, Renda, Família

Resumo

O Brasil possui profundas desigualdades sociais e a evolução histórica mostra que elastêm causas múltiplas. No entanto, reduzir as disparidades de rendimentos passa pela educação, poisé a variável de maior efeito na conformação da renda. A base de dados contará com microdados doENEM 2007, onde utilizaremos o resultado da prova objetiva e do questionário socioeconômico. Osresultados mostram que das famílias com renda entre 1 e 2 Salários Mínimos (S.M.), 7,5%conseguiram o melhor desempenho enquanto que famílias com renda entre 5 e 10 S.M., 42,8%tiveram desempenho de bom a excelente. Os dados demonstram uma diferença relevante entrealunos de baixa e alta renda, pois quanto maior for o volume de capital econômico e cultural detidopor uma pessoa maior é a chance de possuir bom desempenho. Não é objetivo do trabalhodemonstrar que alunos de baixa renda nunca poderão galgar melhores condições, mas sim apontar aheterogeneidade existente no meio educacional, que não é só alta como tende a gerar disparidadesde renda entre indivíduos.

Biografia do Autor

Alda Pinto Silva

UENF/Laboratório de Estudo do Espaço Antrópico

T. L.S. Reid

UENF/Laboratório de Estudo do Espaço Antrópico

M. G. Ney

UENF/Laboratório de Estudo do Espaço Antrópico

Downloads