ESTUDO DA VARIABILIDADE DA RESISTENCIA A COMPRESSÃO DE ROCHAS ORNAMENTAIS

  • Rafael Duarte Pedrosa
  • Aldo Durand Farfán
Palavras-chave: uenf, rochas, engenharia

Resumo

O projeto tem com objetivo estudar a variabilidade das propriedades tecnológicas do granito do distrito de Ibitioca em Campos dos Goytacazes. Para este trabalho foi escolhido avaliar a variabilidade da resistência a compressão simples através da geoestatística e assim, orientar a direção de exploração das jazidas. A base do projeto é a coleta de amostras de rocha do maciço em Ibitioca e a confecção de corpos-de-prova usando uma serra diamantada de 600 mm de diâmetro, projetada pelo pesquisador. O desdobramento das amostras de rocha é realizado com a serra e o refinamento dos corpos-de-prova numa marmoraria da cidade. Atualmente o trabalho se concentra em obter a resistência à compressão simples em locais geo-referenciados. Até então coletamos amostras de rochas e preparamos corpos de prova para compressão e flexão para alguns dos pontos já existentes no projeto. Porém ainda não obtivemos resultados satisfatórios com os ensaios, pois a prensa da FAETEC que estávamos usando não está calibrada. Na região em estudo já existem dados geo-refereciados, porem, o volume de dados ainda é insuficiente para o modelo geoestatístico, portanto, ainda precisamos realizar os ensaios com uma prensa calibrada e aplicar a geoestatística para obter os gráficos e conclusões. Precisamos também criar mais pontos de coleta de rocha para tornar o modelo mais preciso. Tais etapas estão em fase de aplicação. Ainda não temos as conclusões finais do projeto devido a dificuldade achar de uma prensa calibrada e a falta de mais pontos de coleta de rocha.
Publicado
11-04-2013