ANÁLISE DA COMUNIDADE DE EPÍFITAS VASCULARES E LIANAS NO ESTRATO ARBÓREO EM DIFERENTES VERTENTES DO MACIÇO DO ITAOCA, CAMPOS DOS GOYTACAZES, RJ.

  • Marcelo Paixão Reis
  • Tatiane Pereira de Souza
  • Marcelo Trindade Nascimento
Palavras-chave: Inselberg, Liana, Epífita

Resumo

Inselbergs são afloramentos rochosos que possuem um ecossistema próprio com vegetação característica que se desenvolve sobre rochas e difere da vegetação do seu entorno. As lianas são parte importante das comunidades de florestas, ocorrem em diversos climas e comunidades vegetais. As epífitas constituem cerca de 50% do total de espécies vasculares e contribuem para a grande diversidade das florestas tropicais. O objetivo do trabalho é avaliar a densidade de lianas e epífitas no Maciço do Itaoca. O presente estudo será realizado no Maciço do Itaoca (21º48' S 41º26'W), um afloramento rochoso com aproximadamente 900ha de área e 420m de altitude máxima, localizado no Município de Campos dos Goytacazes, RJ. Serão alocadas 16 parcelas de 25m x 25m, sendo oito em cada vertente (leste-oeste), onde serão marcados e todos os indivíduos arbóreos com DAP > 5 cm e contabilizados, com auxílio de binóculo, o número de epífitas vasculares e lianas presentes por indivíduo amostrado na parcela. As áreas para alocação das parcelas estão sendo selecionadas. O estudo ainda não apresenta resultados.
Publicado
12-04-2013