AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE POZOLÂNICA DE RESÍDUOS ULTRAFINOS POR ENSAIOS DE CONDUTIVIDADE ELÉTRICA.

  • Davi de Jesus Chagas
  • Guilherme Chagas Cordeiro
Palavras-chave: Condutividade elétrica, Pozolana, Atividade pozolânica

Resumo

Pozolana é o material silicoso ou alumino-silicoso que pode apresentar propriedades ligantes quando moído e em presença de água e hidróxido de cálcio. O intenso uso de pozolanas pela indústria de cimento tem motivado o desenvolvimento de métodos de avaliação da atividade pozolânica. Neste escopo, os objetivos deste trabalho são: (i) apresentar um método que relaciona a pozolanicidade com a variação da condutividade elétrica no tempo; (ii) avaliar a pozolanicidade de diferentes cinzas volantes. No método de condutividade (Luxán et al., 1989), a variação da condutividade elétrica de uma solução saturada de hidróxido de cálcio (40 ± 1°C) com 1,75 g da amostra que se pretende avaliar é monitorada no tempo. O ensaio foi validado com a análise de materiais com diferentes pozolanicidades. Em seguida, a variação da atividade pozolânica de uma cinza volante (utilizada na construção da UHE Itaipu) em função do tamanho de partículas é avaliada. Neste caso, os resultados são confrontados com uma cinza volante comercial. Além disso, os resultados de atividade por condutividade são comparados com os obtidos pelo ensaio de Chapelle modificado (Raverdy et al., 1980). Os resultados indicaram que as duas cinzas apresentam composições químicas similares e que as fases cristalinas identificadas na difração de raios X são as mesmas. Contudo, a cinza comercial apresenta maior atividade pozolânica que a cinza volante de Itaipu. Além disso, os resultados mostraram, como esperado, que a atividade pozolânica é inversamente proporcional ao tamanho médio de partículas da cinza volante. Este fato é decorrência do aumento da superfície específica do material. Assim, neste trabalho foi possível aumentar a atividade da cinza volante de Itaipu, em relação à cinza comercial, com um procedimento de moagem controlada. O método de condutividade é adequado ao estudo de pozolanas. A cinza volante utilizada na construção de Itaipu apresenta similaridades com uma cinza comercial atual. A atividade pozolânica da cinza volante aumenta significativamente à medida que o tamanho de partículas é menor.
Publicado
16-04-2013