ANÁLISE DE TESTES EM POÇOS EM RESERVATÓRIOS DE GÁS

  • Hadassa Cabral Ribeiro
  • Adolfo Puime Pires
Palavras-chave: Fluxo em Meios Porosos, Reservatórios de Gás, Análise de Testes em Poços

Resumo

O gás natural vem aumentando sua participação na matriz energética brasileira, especialmente por ser uma fonte de energia menos poluente que o petróleo. Para gerenciar reservatórios de gás, é necessário a realização de Testes de Pressão em Poços, que fornecem periodicamente dados que permitem a correção dos modelos adotados.A equação diferencial parcial que modela o fluxo do gás em reservatórios é não linear. Neste trabalho são analisados os efeitos da não linearidade na solução da EDH. Neste trabalho pretendemos analisar os efeitos da não linearidade da solução da equação da difusividade hidráulica para o gás. Com essa finalidade está sendo desenvolvido um executável que contém todas as soluções clássicas para gás, utilizando da aproximação matemática chamada de pseudopressão (Al-Hussainy et al., 1966), para linearizar as soluções. Estas são comparadas entre si, soluções gerais com soluções restritas, e com soluções numéricas, a fim de validar o que foi proposto. Está sendo utilizada a estrutura computacional do LENEP e a sua biblioteca, que nos dá acesso a grande parte das referências bibliográficas. O gás real é compressível e a equação da difusividade hidráulica para esse fluido é não-linear,Al-Hussainy et al. (1966) propuseram uma mudança de variável dependente com o objetivo de linearizar a equação, chamada pseudopressão.De posse dessa aproximação foram deduzidas e implementadas as soluções restritas e completas para regimes transiente, permanente e pseudopermanente, em fluxo linear e radial.Também foram construidas tabelas de pseudopressão por pressão,viscosidade e fator de desvio do gás real, utilizando de 8 correlações existentes na literatura.A junção desses trabalhos resulta em um executável que oferece tanto soluções em função da pseudopressão, quanto em função da pressão. Ainda faltam duas soluções a serem implementadas ao software, porém com os resultados apresentados pelas soluções já programadas podemos afirmar que a linearização através da aproximação matemática da pseudopressão (Al-Hussainy et al., 1966) funciona bem para o tipo de solução abordada.
Publicado
22-04-2013