O INÍCIO DA CARREIRA DOCENTE: “PISTAS” PARA CONHECIMENTO DO PERFIL PROFISSIONAL DOS FORMADORES CENTROS DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE ANGOLA

  • Ingrid Fiuza Costa
  • Odila Carvalho Mansur
  • Laura Carvalho Mansur
Palavras-chave: Professor iniciante, Projeto Angola-Brasil, Capacitação técnico-pedagógica

Resumo

Pesquisa realizada no IF Fluminense, de Campos dos Goytacazes, a partir do Projeto Angola-Brasil, com objetivo de traçar o perfil dos formadores angolanos, iniciantes, que atuam nos Centros de Formação Profissional de Angola, ministrando Cursos Técnicos nas áreas de Construção Civil e Indústria. Neste estudo, reflete-se sobre este peculiar momento da docência, apontando as dimensões políticas e sociais, em Angola, que são motrizes na formação e consolidação da carreira e ações desses formadores. Pesquisa Bibliográfica ancorada em M. Tardiff; A. Villa; J. Gimeno, M. R. Giarnieri; Freitas; Chartier; Mizukami. Foi aplicado um questionário a trinta professores-formadores como entrevista, com roteiro semi-estruturado, com o propósito de se fazer um diagnóstico da fase inicial da profissão, levando em consideração as expectativas, impressões iniciais, principais dificul¬dades e consequentes tentativas de superação destas. A entrevista serviu de parâmetro para identificar as características pessoais dos formadores , suas conduta e direcionamentos em relação à aprendizagem dos alunos. 90% dos formadores têm entre 22 e 36 anos de idade, 60% já tiveram uma experiência de trabalho anterior, mas não na docência. 45% já trabalharam como técnicos em empresas de construção civil tendo, a partir dessa formação, a oportunidade de atuar como formador. Quanto à formação superior, somente 3 (10%) estão com o Curso de Graduação em andamento. Os demais possuem o ensino técnico e uma Formação Pedagógica de 90 horas, oferecida pelo IFF, por meio do Projeto Angola-Brasil. Os docentes apresentam dificuldades e anseios típicos desta fase profissional: falta de recursos pedagógicos, dificuldades de mediar as estratégias de ensino-aprendizagem, de transporte, dentre outros, devido também ao contexto social no qual estão inseridos: um país recém saído da guerra civil.
Publicado
24-05-2013