MODELOS CONCEITUAIS DE ALUNOS DA LICENCIATURA EM CIÊNCIAS DA NATUREZA DO INSTITUTO FEDERAL FLUMINENSE/IFF: INFERÊNCIA PARA ABORDAGEM INTERDISCIPLINAR

  • Amanda Tavares Mota
  • Martha Rodrigues Oliveira
  • Juliana Tamy Bitencourt
  • Marcus Vinicius Fideles Nogueira
  • Renata Lacerda Caldas Martins
Palavras-chave: Interdisciplinaridade, Energia, Formação docente

Resumo

A interdisciplinaridade nos Parâmetros Curriculares Nacionais destaca a não-compartimentalização dos conteúdos escolares e a contextualização de saberes (BRASIL, 1999). Ricardo e Zylbersztajn (2007) ponderam sobre problemas de uma transposição da idéia de interdisciplinaridade de uma área para outra, desconsiderando-se as especificidades. O objetivo da pesquisa foi investigar modelos conceituais de alunos sobre temas interdisciplinares, a fim de discutir a interdisciplinaridade no curso de LCN. Após pesquisa bibliográfica sobre os conteúdos trabalhados no currículo do curso, foi elaborado um questionário validado com discentes e docentes de áreas diversificadas do IFF, constando de seis questões sobre temas interdiciplinares (Delizoicov et al., 2003), Luz e Energia. Ao todo foram aplicados 51 questionários a uma amostra aleatória de alunos do 1º ao 8º período do curso de LCN. As questões foram pensadas a fim de motivar o aluno da licenciatura à explicitação de seus modelos conceituais sobre os dois temas, estudados em disciplinas das três áreas: Física, Química e Biologia, e confrontar tais modelos com o ensino interdisciplinar proposto pelo curso. Será relatada a análise parcial das questões 2 e 4. A questão 2 trata da emissão de luz induzida por elementos ou compostos químicos. Quando questionados a respeito da emissão de radiação (luz) por átomos excitados, um percentual significativo de 68,53 % explicitou o modelo de conceito sob a forma de uma relação se, então: “elétrons absorvem energia, ficam excitados, e saltam para níveis mais elevados”. A questão 4 refere-se ao comportamento corpuscular da luz e da matéria que é um assunto muito discutido na ciência. Cerca de 52,94% explicitaram um modelo do tipo comparativo ou análogo: “tanto a luz como a matéria apresentam os comportamentos corpuscular e ondulatório”. Apesar das respostas apontarem para compreensão na média, são pouco significativas no contexto das três áreas. Importa buscar alternativas que explorem as potencialidades das disciplinas, uma vez que pelos modelos inferidos não se percebe um resultado que sugere um ensino interdisciplinar.
Publicado
06-06-2013