CONSERVAÇÃO E FONTES ALTERNATIVAS DE ENERGIA NO IFF: O CASO DO CAMPUS CAMPOS-CENTRO

  • Patrick da Mota Maciel
  • Valter Luís Fernandes de Sales
Palavras-chave: Eficiência Energética, Sustentabilidade, Educação e Cidadania

Resumo

O uso de energia em prédios públicos comumente apresenta perdas, em maior ou menor grau. Este fato deve ensejar dos seus gestores e usuários preocupação permanente com a busca de uma utilização mais sustentável. Neste sentido o presente trabalho objetiva diagnosticar a situação atual do campus Campus-Centro do IFF e construir junto com sua comunidade soluções mitigadoras para o problema, bem como contribuir para a redução dos impactos ambientais decorrentes das práticas atuais. Para a consecução dos objetivos foram resgatadas as faturas de energia elétrica emitidas pela concessionária local e realizados levantamentos de variáveis bioclimáticas, arquitetônicas e sociais no campus. Atualmente estão sendo realizadas simulações computacionais e análises de contexto para a elaboração do diagnóstico energético. Nesta etapa está sendo utilizado o software de simulação, MARK IV, do PROCEL. Oportunamente serão extraídas opções mitigadoras para ampla consulta e discussão com os atores envolvidos e a comunidade escolar. Para finalizar, serão discutidas as opções com a comunidade e encaminhadas as soluções extraídas. Para o enquadramento tarifário, a melhor opção é a manutenção da estrutura tarifária horo-sazonal verde e alterar a demanda contratada de 590 KW para 693,4 KW, com economia de R$ 41.710,31, ao ano. Inserir temporizadores nos circuitos de alimentação dos bebedouros, controlar a iluminação artificial, programação dos computadores para operação em modo econômico de utilização de energia e um amplo trabalho de conscientização de alunos, servidores e da comunidade escolar em geral. Integra-se ao quadro de opções para a eficiência energética e desenvolvimento sustentável das atividades a busca pela aquisição de bens e serviços comprometidos com a Agenda Ambiental da Administração Pública. O uso eficiente e sustentável de energia na esfera pública tem enorme potencial para contribuir para a melhoria da qualidade de vida das pessoas. Imaginamos que com nossas ações estamos educando e incentivando contribuições neste sentido.
Publicado
10-06-2013