INDICADORES DE SUSTENTABILIDADE DO TURISMO EM BÚZIOS

  • Pedro Kappler
  • Jordan Ribeiro
  • Gerbert Périssé
  • Dalila Mello
Palavras-chave: Turismo, desenvolvimento, sustentável

Resumo

Esta pesquisa aborda um tema atual, conciliar utilização sustentável dos recursos naturais, desenvolvimento econômico local e bem estar social para as populações envolvidas. Neste contexto, o turismo tem sido citado como uma das atividades econômicas com maior potencial para este fim, sendo assim, torna-se importante estabelecer um sistema de indicadores de sustentabilidade do turismo que indiquem se estas atividades estão atingindo estes objetivos. O trabalho tem como referencial teórico-metodológico, o Sistema de Indicadores de Sustentabilidade do Turismo da Macaronésia (SIET-MAC). A região conhecida como Macaronésia é formada pelos arquipélagos de Açores, Madeira, Canárias e Cabo Verde, no Atlântico Norte. Três destes arquipélagos, Açores, Madeira e Canárias realizaram um projeto conjunto de 2000 a 2005 que teve como objetivo desenvolver e manter um Sistema de Indicadores Estatísticos do Turismo, através do qual se pudesse medir e acompanhar a evolução da sustentabilidade do turismo em cada uma das três regiões envolvidas no projeto (SIET-MAC, 2006). Nos Indicadores Estatísticos do Turismo, destacam-se: Âmbito, descrição, objetivo, relevância para a sustentabilidade e observações. Com esses dados, é possível concluir um indicador para mostrar se o turismo está sendo sustentável. Conclui-se que é essencial que haja um equilíbrio entre as atividades humanas (dentre elas, o turismo), e o meio ambiente. Só assim será possível preservar a fauna e flora da região explorada, ou seja, o desenvolvimento será sustentável.
Publicado
12-06-2013