A CARTOGRAFIA COMO FERRAMENTA DE ENSINO DE GEOGRAFIA

  • Rafael Lopes Barreto
  • Maurício Nunes Lamonica
Palavras-chave: Ensino, Geografia, Cartografia

Resumo

Tendo a Cartografia uma ferramenta essencial para o ensino de Geografia. Considerando como referencial teórico pesquisas anteriores que constataram que o domínio sobre aquela é uma exceção. A presente pesquisa busca auditar a situação atual no universo do ensino público municipal de Campos dos Goytacazes, a fim de subsidiar intervenções em programas de extensão do Instituto Federal Fluminense, como também embasar metodologicamente a elaboração de um Atlas Municipal Escolar. Inicialmente foi feito levantamento/analise de pesquisas pretéritas, podendo destacar: MENEZES, P.M.L.; LOCK, R.E.N; SILVA, P.R.F., entre outros, ponderando e acrescentando metodologias para o desenvolvimento da pesquisa, principalmente servindo como norteador, da forma e conteúdo que constaria nos questionários, aplicados nos professores da rede municipal. Estabeleceu-se uma parceria com a Secretaria Municipal de Educação, que aceitou a proposta, permitindo o formal acesso as Escolas para aplicação daqueles. O resultado destes contribuirá com conteúdos/metodologias na elaboração dos produtos propostos. Os resultados obtidos colocam a rede municipal de ensino do Município de Campos dos Goytacazes como participantes de uma realidade existente noutras escalas. A evidência/ constatação materializada nesta pesquisa permite aos responsáveis por estas instituições tomada de decisão. Permitindo por um lado, criar condições de minimizar os possíveis prejuízos que esta situação pode causar/perpetuar, assim condicionando por parte do poder público municipal a necessidade de ação, pois isto não feito, com conhecimento do fato, seria omissão. Considerando os resultados obtidos, pode-se de antemão caracterizar a existência de carência no ensino de Geografia via ferramenta Cartografia, vindo esta subsidiar tanto tomada de decisão por parte do executivo municipal, quanto por ações de extensão por parte do Instituto Federal Fluminense.
Publicado
19-06-2013