DEFICIÊNCIA DE MACRONUTRIENTES EM PLANTAS DE Catharanthus roseus

  • Monique Carriello Gama
  • Marta Simone Mendonça Freitas
  • Marco Antônio Martins
Palavras-chave: Sintoma de deficiência, Nutrientes minerais, Vinca

Resumo

As plantas são importantes para obtenção de vários fármacos. Na espécie Catharanthus roseus L.G.Don, popularmente conhecida como vinca, destacam-se os alcalóides vincristina e vinblastina, considerados de maior importância para a indústria farmacêutica, pois são utilizados no tratamento de leucemia e ajmalicina, um antihipertensivo. O presente trabalho tem como objetivo avaliar os efeitos da deficiência dos macronutrientes no crescimento e na composição mineral da vinca. O experimento está sendo instalado na casa de vegetação localizada na unidade experimental da UENF. O delineamento experimental adotado será o de blocos casualizados com sete tratamentos: completo, deficiente em N, deficiente em P, deficiente em K, deficiente em Ca, deficiente em Mg e deficiente em S, com quatro repetições. A unidade experimental será composta por vasos de oito litros de areia e cinco plantas por vaso. As plântulas serão, inicialmente, irrigadas uma vez por dia com solução completa e 20 dias após emergência serão aplicados os tratamentos. O experimento será coletado quando houver emissão do primeiro botão floral. Serão avaliadas a altura, massa seca da parte aérea e raiz, nº de folhas e teores dos nutrientes (N, P, K, Ca, Mg, S, Fe, Zn, Cu, Mn, Cl e B) na parte aérea. Serão realizadas observações diárias para caracterizar o aparecimento e a evolução dos sintomas de deficiência dos nutrientes em estudo.