ANÁLISE DE VIBRAÇÕES INDUZIDAS PELO VENTO EM PÓRTICOS METÁLICOS COM USO DE MODELAGEM COMPUTACIONAL

  • Matheus Pereira da Silva
  • Mayk Oris Guerreiro
  • Esterfeny Guedes Pires

Resumo

A realidade econômica do nosso país tem exigido dos engenheiros projetos em estrutura metálica cada vez mais leves e econômicos, sem abdicar da segurança. Em contrapartida, tem-se estruturas cada vez mais sensíveis à efeitos decorrentes do vento, tais como a vibração. Visando-se a economia da estrutura, as ligações dos perfis também tem sido foco de estudos, uma vez que há o objetivo de se otimizar os custos da construção, garantindo a adequada distribuição de esforços enquanto mantém-se uma estrutura que atenda ao prescrito pela ABNT NBR 8800:2006 Projetos de Estruturas de Aço e Mistas de Aço e Concreto, nos estados limites últimos e de serviço. Visando realizar uma análise das vibrações induzidas pelo vento com uso de modelagem computacional, usou-se um pórtico espacial metálico em perfil W 235 X 90, com 15 pavimentos, variando-se as configurações de apoio ( fixo e 2º gênero) e variando a distribuição dos esforços nas ligações através da semirrigidez em 75%, 50% e 25%. Após a análise, pôde-se aferir que para ambos os tipos de apoio, os resultados referentes à rigidez são similares: Estruturas mais rigidez apresentam maior frequência de vibração, devido à concentração de tensões nas conexões, devendo-se, para otimizar a relação entre rigidez e vibração, adotar ligações semirrígidas em até 75% da rigidez total.
Publicado
21-12-2018