Estudo do Comportamento Antropofílico de Mosquitos Selvagens e Transgênicos

  • Moisés Filgueira de Oliveira
  • Ana Paula P. Wyse
  • José Luiz Acebal

Resumo

O objetivo deste trabalho é propor um modelo matemático para simular a dispersãode mosquitos e seu controle. Em particular, a espécie de mosquito selecionada para o desenvolvimento do estudo foi Aedes aegypti, devido sua importância vetorial na transmissão de arboviroses para humanos. Os números alarmantes relatados pela Organização Mundial da Saúde colocam em destaque doenças como dengue, febre amarela, chikungunya e zika vírus, que tem como principal vetor Aedes aegypti. Inovações  no âmbito do controle vetorial, como a introdução de mosquitos geneticamente modificados, apresentam uma nova perspectiva no controle vetorial e, consequentemente, a redução no números de infecções. A fim de se garantir segurança, economia e eficiência, a avaliação de medidas de prevenção e controle podem ser estudadas antes ou durante as intervenções através de modelos matem´aticos e simulações. Portanto,propomos neste trabalho um modelo matem´atico descrito por um sistema de equaçõesdiferenciais do tipo reação-difusão-quimiotaxia que descreva a dinâmica da interação entremosquitos selvagens e transgênicas.
Publicado
21-12-2018