ANÁLISE DA EFICIÊNCIA DE MÉTODOS DE ESTIMAÇÃO DE ENERGIA UTILIZANDO UM CALORÍMETRO DE ALTAS ENERGIAS OPERANDO EM CONDIÇÕES DE EMPILHAMENTO DE SINAIS

  • Gabriel Cezar De Biase
  • Lucas de Sousa Gomes Nolla
  • Navar Nunes da Silva
  • Bernardo Sotto-Maior Peralva

Resumo

Em experimentos modernos de física de altas energias, o sistema de calorimetriaexerce um papel crucial na detecção e identificação de partículas. Tipicamente, os calorímetrospossuem milhares de canais de leitura e são construídos para absorver e amostrar a energiade partículas com as quais ele interage. O sinal produzido pela eletrônica de leitura é condicionadoe apresenta uma forma fixa, de modo que a amplitude seja proporcional a energiadepositada pela partícula. Desta forma, o problema de estimação da energia consiste em estimara amplitude de um pulso imerso em ruído aditivo. Entretanto, em condições de alta taxade eventos, como as encontradas no LHC (Large Hadron Collider), colisões adjacentes podemser observadas em um mesmo canal de leitura, distorcendo o pulso devido ao empilhamentode sinais. Este trabalho apresenta uma análise da eficiência do método atualmente empregadono Calorímetro de Telhas do ATLAS no LHC, chamado OF (Optimal Filter) operando emcondições de empilhamento de sinais. Diversas condicões de empilhamento de sinais foramsimuladas e a eficiência do método OF é confrontada com um método alternativo baseado noestimador de máxima verossimilhança.
Publicado
21-12-2018