CONTROLE POR BANDAS APLICADO AO PROBLEMA DE ESCOAMENTO POR REGIME DE GOLFADAS

  • Rosilene Abreu Portella Corrêa
  • Cleber de Almeida Corrêa Junior
  • Marco Van Hombeeck
  • Giovani Cavalcanti Nunes
  • Erick Fabrizio Quintella

Resumo

O presente trabalho aborda uma estratégia de controle alternativa para contornar os inconvenientes causados pelo regime de fluxo em padrão de golfadas à planta de processamento primário. Através do acoplamento de um modelo de escoamento em regime de golfadas a um modelo de vaso separador bifásico horizontal, foi possível verificar que os controles de nível tradicionalmente utilizados na indústria de petróleo, repassam as oscilações características deste tipo de fluxo para as vazões de saída de líquido e gás, prejudicando o desempenho de outros equipamentos que recebem esta carga. Com o propósito de estabilizar as vazões de saída, optou-se por reduzir o efeito dos controladores de nível, permitindo uma maior variação no nível de líquido no interior do vaso, respeitando, entretanto, seus limites operacionais. Para os casos em que as oscilações na vazão de entrada provoquem uma extrapolação destes limites, acrescentou-se um controle adicional atuando sobre a válvula choke na entrada da planta, alterando o regime de fluxo sempre que este atingir níveis prejudiciais ao equipamento.
Publicado
21-12-2018