ANÁLISE DE ISOTERMAS DE ADSORÇÃO APLICADAS AO PROCESSO DE REMOÇÃO DE SO4 -2 EM BATELADA

  • Rhynara Niandra Silva de Carvalho
  • Versiane Leão
  • Wellington Betencurte da Silva
  • Julio Cesar Sampaio Dutra
  • Damaris Guimarães

Resumo

A adsorção é um fenômeno físico-químico muito empregado no tratamento deefluentes. Frequentemente, as melhores condições desse processo são estudadas por meio de operações em batelada a fim de fornecer informações importantes para que o processo seja operado em maior escala. Nesse sentido, a partir de dados experimentais da literatura, este trabalho tem como objetivo avaliar o melhor ajuste das isotermas obtidas para o processo de adsorção do íon sulfato (SO4-2) em uma resina adsorvente e analisar se a escolha da isotermapoderá interferir na obtenção do parâmetro de concentração de equilíbrio (Ceq). O ajuste das isotermas de Langmuir, Freundlich, Toth, Redlich-Peterson e Radke-Prausnitz aos dados experimentais foi realizado no software Matlab. A partir desse estudo, foi observado que os modelos de isotermas que melhor descrevem o processo de adsorção estudado foram os de Toth (R2=0,9556), Radke-Prausnitz (R2 =0,9552) e Langmuir (R2 =0,9549). Além disso, o valor de Ceq calculado com base nas respectivas equações desses modelos não apresentou mudanças significativas, os quais ficaram próximos de 0,4 mg/L. Esse resultado evidencia que independente da escolha da isoterma, dentre todas as estudadas, o valor de Ceq, calculado a partir delas, não apresenta variações expressivas para o processo de adsorção.
Publicado
21-12-2018