AVALIAÇÃO REOLÓGICA DE TINTAS ACRÍLICAS COMERCIAIS

  • Monica Cristina dos Santos Vieira
  • Wellington Fabiano dos Santos Vieira
  • Monica Feijó Naccache
  • Alex da Silva Sirqueira

Resumo

Neste trabalho foram avaliadas as propriedades reológicas de duas tintas acrílicas amplamente utilizadas no mercado nacional. A seleção das tintas acrílicas foi pautada pelo preço, cor, odor e brilho. Inicialmente foram comparados os valores dos teores de cinza e sólidos fornecidos pelos fabricantes e o obtido no laboratório. O uso da ferramente de análise estatisitca ANOVA foi fundamental para o entendimento das diferenças encontradas nas medidas. Não houve variação significativa entre os teores de sólidos da duas tintas. Mas, o valor médio do teor de cinza houve variação significativa. A tinta catalogada como tinta 1, tem maior preço, maior percentual de cargas inorgânicas e maior viscosidade em altas taxas de deformação. Não foi verificada alteração em baixas taxas de cisalhamento, o que indica que para aplicações de pintura com pincel e por evaporação não há diferença entre as duas tintas. Entretanto, para aplicações em pistola, altas taxas de deformação, a tinta 2 é mais indicada pois apresenta menor tensão de cisalhamento.
Publicado
21-12-2018