AVALIAÇÃO DA INTERFERÊNCIA INDIVIDUAL E CONJUNTA DOS ÂNIONS NO3- E PO43- NA ADSORÇÃO DE SO42- EM HIDROTALCITA CALCINADA

  • Bárbara Maria Mateus Gonçalves -
  • Damaris Guimarães -

Resumo

O presente trabalho apresenta um estudo sobre a interferência dos ânions nitrato e fosfato na adsorção de sulfato pela hidrotalcita calcinada, uma argila aniônica da classe dos hidróxidos duplos lamelares (HDL), a qual era composta por magnésio e alumínio. Dentro deste contexto, foram realizados ensaios em batelada de adsorção de SO42- (i) na ausência dos ânions NO3- e PO43-, (ii) na presença de NO3-, (iii) na presença de PO43-, e (iv) na presença de NO3- e PO43-. As eficiências de remoção de sulfato observadas em cada um desses sistemas foram de 86,3% para o SO42- separadamente, 66,4% para SO42- com NO3-, 50,9% para SO42- com PO43- e 58,2% para SO42-, com PO43- e NO3-. Os resultados obtidos apresentaram um decréscimo para a adsorção de sulfato em HDL calcinado quando esse íon está presente em solução com outros íons, sendo o fosfato o que exerce a maior interferência por, provavelmente, apresentar maior afinidade pelos sítios ativos de adsorção da hidrotalcita calcinada que os demais ânions envolvidos no presente estudo. Do ponto de vista cinético, o modelo de pseudossegunda ordem foi o que melhor se adequou aos dados experimentais de adsorção de sulfato tanto na presença quanto na ausência dos ânions nitrato e fosfato.

Biografia do Autor

Bárbara Maria Mateus Gonçalves, -
-
Damaris Guimarães, -
-
Publicado
22-12-2018