Monitoramento dos parâmetros físico- químicos em microbiológicos da lagoa do Açu, RJ

  • Kelly Pinheiro dos Santos
  • Vicente de Paulo Santos Oliveira
  • Leonardo Nascimento Freitas
  • Sérgio Luiz Gonçalves Batista
  • Gabriel da Glória Menezes
Palavras-chave: Lagoa do Açu. Monitoramento. Parâmetros físico- químicos e microbiológicos.

Resumo

O trabalho tem como objetivo analisar os elementos químicos- físicos e microbiológicos da água da lagoa, a qual se encontra em uma área de proteção Integral. Os procedimentos metodológicos utilizados foram: revisão bibliográfica sobre a temática; trabalho de campo para reconhecimento geral da área e coleta de água; análise química e física da água em laboratório. As campanhas de coletas aconteceram nos meses de janeiro e julho de 2014, sendo realizadas análises físico-química e microbiológica da água da lagoa do Açu, com o objetivo de determinar sua qualidade. Para tanto, foram escolhidos aleatoriamente dez pontos amostrais. Nas análises de laboratório constataram-se alterações dos elementos químicos e físicos da água, podendo inferir que para este padrão de enquadramento da classe 1 de acordo com a resolução do CONAMA 357de 2005, essa lagoa encontra-se com moderado índice de contaminação. A Lagoa do Açu, ambiente estudado, é uma área de proteção ambiental onde encontramos uma rica área de restinga, próximo à uma área de expansão urbana. Sendo assim, faz-se necessário o monitoramento da qualidade de água local, para que, se preciso seja, tomadas medidas necessárias e cabíveis para resolução dos possíveis danos ambientais gerados.