Representações do exercício docente em cursos livres de idiomas: reflexões acerca de relações dicotômicas no ensino de língua inglesa

Autores

  • Carlos Fabiano de Souza CIEP 058 M. Oscar Cordeiro (Macaé-RJ) e E.M. Domingos Fernandes da Costa (São João da Barra-RJ)

DOI:

https://doi.org/10.5935/1809-2667.20130004

Palavras-chave:

Exercício docente, Formação de professor de língua estrangeira, Cursos livres de idiomas, Ensino de língua inglesa, Formação acadêmica e continuada

Resumo

Este artigo faz uma descrição de duas das principais representações docentes presentes em cursos livres de idiomas, quais sejam: professores de inglês licenciados e não licenciados. A partir dessas relações dicotômicas, busca-se fomentar uma reflexão acerca do quão importante papel desempenha um professor licenciado no processo ensino-aprendizagem de língua estrangeira e a relevância da formação acadêmica e continuada para o pleno exercício docente do professor de línguas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Fabiano de Souza, CIEP 058 M. Oscar Cordeiro (Macaé-RJ) e E.M. Domingos Fernandes da Costa (São João da Barra-RJ)

Professor de língua inglesa licenciado em Letras - Português/Inglês pela Universidade Salgado de Oliveira - Universo, Campos dos Goytacazes/RJ – Brasil. Especialista em Metodologia do Ensino de Língua Inglesa pela Faculdade de Tecnologia e Ciências - FTC, Salvador-BA. Atualmente, atuo como professor de inglês na Escola Municipal Domingos Fernandes da Costa, São João da Barra/RJ - Brasil e no CIEP 058 M. Oscar Cordeiro, Macaé/RJ - Brasil. E-mail: carlosfabiano.teacher@gmail.com.

Referências

ABDALLA, M. F. B. O senso prático de ser e estar na profissão. São Paulo: Cortez, 2006.

ALMEIDA FILHO, J. C. P. Tendências na formação continuada do professor de língua estrangeira. Apliemge - Ensino e Pesquisa, Publicação da Associação dos Professores de Língua Inglesa do Estado de Minas Gerais, Belo Horizonte, n. 1, p.29-41, 1997.

ALMEIDA FILHO, J. C. P. Dimensões Comunicativas no ensino de línguas. 6ª ed. Campinas: Pontes, 2010.

ALMEIDA FILHO, J. C. P. (Org.) O professor de língua estrangeira em formação. 3ª ed. Campinas: Pontes, 2009.

CELANI, M. A. A. Ensino de línguas estrangeiras: ocupação ou profissão? In: LEFFA, V. J. (Org.), O professor de línguas estrangeiras: construindo a profissão. 2ª ed. Pelotas: EDUCAT, 2008.

FÉLIX, A. Crenças de duas professoras de uma escola pública sobre o processo de aprender língua estrangeira. In: ALMEIDA FILHO, J. C. P. de. (Org.). O professor de língua estrangeira em formação. 3ª ed. Campinas: Pontes, 2009.

FERNÁNDEZ, I. G. M. E. As transformações no mundo do trabalho e as implicações para a formação de professores de línguas. In: GIL, G.; VIEIRA-ABRAHÃO, M. H. (Orgs.). Educação de professores de línguas: os desafios do formador. Campinas: Pontes, 2008.

GIMENEZ, T. Tornando-se professores de inglês: experiências de formação inicial em um curso de letras. In: VIEIRA-ABRAHÃO, M. H. (Org.). Prática de ensino de língua estrangeira: experiências e reflexões. Campinas, SP: Pontes Editores, ArteLíngua, 2004.

LEFFA, V. J. Aspectos políticos da formação do professor de línguas estrangeiras. In: LEFFA, V. J. (Org.). O professor de línguas estrangeiras: construindo a profissão. 2ª ed. Pelotas: EDUCAT, 2008.

LIBÂNEO, J. C. Didática. São Paulo: Cortez, 1994.

PAIVA, V. L. M. O. A identidade do professor de inglês. APLIEMGE: ensino e pesquisa, Uberlândia: APLIEMGE/FAPEMIG, n.1, p.9-17, 1997.

RICHARDS, J. C.; FARRELL, S. C. Practice teaching: a reflective approach. New York: Cambridge University Press, 2011.

SCHMITZ, J. R. Ensino/aprendizagem das quatro habilidades linguísticas na escola pública: uma meta alcançável? In: LIMA, D. C. (Org). Ensino e aprendizagem de língua inglesa: conversas com especialistas. São Paulo: Parábola Editorial, 2009.

SCHÜLTZ, R. Como Escolher um Programa de Inglês. In: English Made in Brazil. Disponível em: <http://www.sk.com.br/sk-como.html>. Acesso em: 26 out.2006. Acesso em 26 dez. 2011.

SCHÜLTZ, R. Como abrir uma escola de inglês? In: English made in Brazil. Disponível em: http://www.sk.com.br/sk-abrir.html. Atualizado em: 8 ago. 2011. Acesso em: 26 dez. 2011.

Downloads

Publicado

24-07-2013

Como Citar

SOUZA, C. F. de. Representações do exercício docente em cursos livres de idiomas: reflexões acerca de relações dicotômicas no ensino de língua inglesa. Revista Vértices, [S. l.], v. 15, n. 1, p. 31–46, 2013. DOI: 10.5935/1809-2667.20130004. Disponível em: https://essentiaeditora.iff.edu.br/index.php/vertices/article/view/1809-2667.20130004. Acesso em: 6 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais