Sensoriamento remoto aplicado ao estudo da vegetação com ênfase em índice de vegetação e métricas da paisagem

  • Karla Maria Pedra de Abreu Instituto Federal do Espírito Santo (IFES)
  • Luciano Melo Coutinho
Palavras-chave: Superfície Terrestre, Cobertura Vegetal, Imageamento, Mapeamento

Resumo

O presente trabalho consiste em uma revisão bibliográfica sobre o sensoriamento remoto, com enfoque no estudo da vegetação. Nele são abordados fundamentos, conceitos e métodos. Delimitam sua história os períodos de uso de sistemas fotográficos, a evolução e a multiplicidade dos sistemas imageadores. Descrevem-se princípios e métodos necessários para correção, tratamento, interpretação visual, avaliação de parâmetros das imagens e cruzamento de dados aplicados a estudos de índices de vegetação (NDVI) e de paisagens. A eficácia dos estudos da vegetação via sensoriamento remoto é embasada pelos resultados e pelas considerações obtidas por revisão conceitual, que priorizou a consulta a periódicos especializados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karla Maria Pedra de Abreu, Instituto Federal do Espírito Santo (IFES)
Graduada em Biologia e mestrado em Produção Vegetal. Doutoranda em Ecologia e Recursos Naturais na Universidade Estadual do Norte Fluminense e professora do Instituto Federal do Espírito Santo /ES – Brasil. E-mail: kmpaarchanjo@ifes.edu.br.
Luciano Melo Coutinho
Mestre em Ciências Florestais pela Universidade Federal do Espírito Santo (2010). MBA em Gestão Ambiental (2008) e Graduado em Geografia - Licenciatura Plena (2006) pelo Centro Universitário São Camilo-ES. Tem experiência em Geociências com ênfase nos seguintes temas: Geoprocessamento, Sensoriamento Remoto, Cartografia e Topografia Básica, Geografia Física e Manejo de Bacias Hidrográficas.

Referências

ACCIOLY, L.J. et al. Relações empíricas entre a estrutura da vegetação e dados do sensor TM/LANDSAT. Rev. Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v.6. n.3, p. 492-498, 2002.

ADNYANA, I.W.S. et al. Monitoring of land use changes using aerial photograph and Ikonos image in Bedugul, Bali. Remote Sensing and Earth Sciences, v.3, p. 51-57, 2006.

AGGARWAL, S. Principles of Remote Sensing. In: SIVAKUMAR, M.V.K. et al. Satellite Remote Sensing and GIS Applications in Agricultural Meteorology. Dehra Dun, India, World Meteorological Organization. 2004. p. 23-38.

ALVES, A.K.; COSTA, M.V.C.V. Mapeamento do uso do solo e cobertura vegetal da bacia do Ribeirão Santa Juliana no Triângulo Mineiro - MG. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 13., 2007, Florianópolis. Anais... p. 2267-2274.

BARBOSA, R. I.; CAMPOS, C. Detection and geographical distribution of clearing areas in the savannas (‘lavrado’) of Roraima using Google Earth web tool. Journal of Geography and Regional Planning, v.4, n.3, p. 122-136, 2011.

BOHRER, C. B. A. Vegetação, paisagem e o planejamento do uso da terra. Geographia, v.4, p. 103-120, 2000.

BOHRER, C.B.A. et al. Mapeamento da vegetação e do uso do solo no centro de diversidade vegetal de Cabo Frio, Rio de Janeiro, Brasil. Rodriguésia, v.60, n.1, p. 1-23, 2009.

CÂMARA, G. et al. SPRING: Integrating remote sensing and GIS by object-oriented data modelling. Computers Graphics, v.20, n.3, p. 395-403, 1996.

CARRÃO, H. et al. Carta de Ocupação do Solo e Avaliação do Estado da Vegetação com Imagens de Satélite para Prevenção de Fogos Florestais. In: ENCONTRO DE UTILIZADORES DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA, 7., 2002. Oeiras, Portugal. Anais...

CASTILHO, R. Sistemas orbitais e uso do território: integração eletrônica e conhecimento digital do território brasileiro. Tese de Doutorado. Universidade de São Paulo, 317p, 1999.

CAZETTA, V. O status de realidade das fotografias aéreas verticais no contexto dos estudos geográficos. Pro-Posições, v.20, n.3, p. 71-86, 2009.

CEMIN, G. et al. Uso de Sistemas de Informações Geográficas para análise de estrutura da paisagem no Município de Arvorezinha, RS. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 12., 2005, Goiânia. Anais... p. 2113-2120.

CEMIN, G. et al. Composição e configuração da paisagem da sub-bacia do Arroio Jacaré, Vale do Taquari, RS, com ênfase nas áreas de florestas. Revista Árvore, v.33, n.4, p. 705-711, 2009.

COLOMBO, R. et al. Retrieval of leaf area index in different vegetation types using high resolution satellite data. Remote Sensing of Environment, v.86, p. 120–131, 2003.

Crosta, A. P. Processamento digital de imagens de sensoriamento remoto. Campinas: IG/UNICAMP. 1992. 170 p.

CRUZ, C.B.M. et al. Classificação Orientada a Objetos na Geração do Mapa de Uso e Cobertura da Terra do estado do Rio de Janeiro. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 14., 2009, Natal. Anais... p. 7789-7796.

DINIZ, F.J.A. Geografia da Agricultura. 2ª ed. São Paulo: Difel. 1984. 278 p.

EASTMAN, J.R. IDRISI for Windows. Editores da versão em português: HASENACK, H.; WEBER, E. Porto Alegre, UFRGS Centro de Recursos IDRISI, 1996. Disponível em: <http://www.ecologia.ufrgs.br/labgeo/arquivos/downloads>. Acesso em: 2012.

EKSTRAND, S. Use of CASI for forest damage monitoring. In: INTERNATIONAL AIRBORNE REMOTE SENSING CONFERENCE EXHIBITION, 1., 1994, Strasbourg, France. Anais…

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA (EMBRAPA). Sistemas Orbitais de Monitoramento e Gestão Territorial. Campinas: Embrapa Monitoramento por Satélite, 2009. Disponível em: <http://www.sat.cnpm.embrapa.br>. Acesso em: 2012.

ENVIRONMENTAL Systems Research Institute (ESRI). Inc. ArcGIS Professional GIS for the desktop, version 9.2. Software. 2006. Disponível em: . Acesso em: 2012.

FERREIRA JÚNIOR, F.B. Mapeamento da cobertura do solo utilizando imagem Áster - Usina Hidroelétrica de Emborcação. Monografia (Especialização em Geoprocessamento) - Universidade Federal de Minas Gerais. 2005. 31p.

FIDALGO, E.C.C.; ABREU , M.B. Uso de imagens ASTER para o mapeamento do uso e cobertura da terra na bacia hidrográfica do rio São Domingos, RJ. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 12., 2005, Goiânia. . Anais... p. 3747-3753.

FJELDSA, J. et al. Are Biodiversity ‘hotspots’ correlated with currente ecoclimatic stability? A pilot study using the NOAA-AVHRR remote sensing data. Biodiversity and Conservation, v.6, p. 401-422, 1997.

FLORENZANO, T.G. Imagens de satélite para estudos ambientais. São Paulo: Oficina de Textos, 2002. 97p.

FRANKLIN, S.E. Discrimination of subalpine forest species and canopy density using digital CASI, SPOT PLA, and LANDSAT TM data. Photogrammetric Engineering and Remote Sensing, v.60, n.10, p. 1233-1241, 1994.

FRANKLIN, S.E. et al. Incorporating texture into classification of forest species composition from airborne multispectral images. International Journal of Remote Sensing, v.21, p. 61-79, 2000.

FREITAS, C.C. et al. Utilização de imagens de radar de abertura sintética na classificação de uso e ocupação do solo. In: EMBRAPA (Org.). Geomática: Técnicas e Aplicações Avançadas, 2003. 54p.

FRITZSONS, E. et al. Aplicação de índices de paisagem às florestas ciliares na Bacia do Alto Capivari - Região Cárstica Curitibana. Revista Floresta, v.34, n.1, p. 3-11, 2004.

FURRER, R. et al. Multispectral imaging of land surface. Geojournal, v.32, n.1, p. 7-16, 1994.

GOODWIN, N. et al. Classifying Eucalyptus forests with high spatial and spectral resolution imagery: an investigation of individual species and vegetation communities. Australian Journal of Botany, v.53, n.4, p.337–345, 2005.

HARGIS, C.D. et al. The behavior of landscape metrics commonly used in the study of habitat fragmentation. Landscape Ecology, v.13, p. 167-186, 1998.

HERRMANN, B. C. et al. A paisagem como condicionadora de bordas de fragmentos florestais. Revista Floresta, v.35, p. 13-22, 2005.

HIREMATH, P.S.; KODGE, B.G. Automatic Extraction of Open Space Area from High Resolution Urban Satellite Imagery. International Journal of Image Processing, v.4, n.2, p. 164-174, 2010.

HOTT, M.C. et al. Brasil em Relevo: processamento de modelos digitais de elevação oriundos da missão SRTM. Comunicado Técnico da EMBRAPA, v.21, p. 1-5, 2006.

INNES, J. L.; KOCH, B. Forest Bioidiversity and its assessment by remote sensing. Global Ecology and Biogeography Letters, v.7, p. 397-419, 1998.

KARIYEVA, J.; VAN LEEUWEN, W.J.D. Environmental Drivers of NDVI - Based Vegetation Phenology in Central Asia. Remote Sensing, v.3, n.2, p.203-246, 2011.

KEY, T. et al. A comparison of multispectral and multitemporal information in high spatial resolution imagery for classification of individual tree species in a temperate hardwood forest. Remote Sensing of Environment, v.75, p. 100-112, 2001.

KUPLICH, T.M. Estudos florestais com imagens de RADAR. Espaço & Geografia, v.6, n.1, p. 65-90, 2003.

LILLESAND, T. M.; KIEFER, R. W. Remote Sensing and image Interpretation. New York: John Wiley and Sons, 1994. 750 p.

LIMA, M.I.C. Introdução a interpretação radar geológica. Rio de Janeiro: IBGE/ Departamento de Recursos Naturais e Estudos Ambientais. 124p., 1995.

LOUZADA, F.L.R.O. ET AL. Análise da Cobertura Florestal por meio da subtração de Imagem NDVI na Floresta Nacional de Pacotuba, Cachoeiro de Itapemirim-ES. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 14., 2009, Natal. Anais... p. 3995-4001.

LUSCH, D.P. Introduction Environmental Remote Sensing. Center of Remote Sensing and GIS Michigan State University, 1999.

LUZ, N.B. Análise espacial como subsídio à recuperação de ecossistemas apoiada na Ecologia de Paisagens e imagens Ikonos. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Paraná, 2002. 114p.

MARQUES, L.S. et al. Mapeamento de uso e cobertura do solo no município de Jeremoabo (BA) por meio de Sensoriamento Remoto. In: SIMPÓSIO NACIONAL DE GEOGRAFIA FÍSICA APLICADA, 13., 2009, Viçosa. Anais…

MELESSE, A.M. et al. Remote Sensing Sensors and Applications in Environmental Resources Mapping and Modelling. Sensor, v.7, p. 3209-3241, 2007.

METZGER, J.P. Relationships between landscape structure and tree species diversity in tropical forests of South-East Brazil. Landscape and Urban Planning, v.37, p. 29-35, 1997.

METZGER, J.P. Tree functional group richness and spatial structure in a tropical fragmented landscape (SE Brazil). Ecological Applications, v.10, p.1147-1161, 2000. Ministério do Meio Ambiente (MMA). Zoneamento Ecológico-Econômico e Proteção da Biodiversidade. Brasília: MMA, 2006. 36p.

MOREIRA, M. A. Fundamentos do sensoriamento remoto e metodologias de aplicação. Viçosa: Ed. UFV, 2005. 320p.

MORENA, L. C. et al. An introduction to the RADARSAT-2 mission. Can. J. Remote Sensing, v.30, n.3, p. 221-234, 2004.

NASCIMENTO, M.C. et al. Mapeamento dos fragmentos de vegetação florestal nativa da bacia hidrográfica do Rio Alegre, Espírito Santo, a partir de imagens do satélite IKONOS II. Revista Árvore, v.30, n.3, p. 389-398, 2006.

NOVO, E. M. L. M. Sensoriamento Remoto: princípios e aplicações. São Paulo: Edgard Blucher, 2010. 388p.

OLSEN, E. R. et al. A modified fractal dimension as a measure of landscape diversity. Photogrammetric Engineering and Remote Sensing, v.59, p. 1517-1520, 1993.

PAPASTERGIADOU, E. S. et al. Land use changes and associated environmental impacts on the Mediterranean shallow lake Stymfalia, Greece. Hydrobiologia, v.584, p. 361-372, 2007.

PINHEIRO, E. S. Imagens com alta resolução espacial: novas perspectivas para o sensoriamento remoto. Espaço & Geografia, v.6, n.1, p. 43-64, 2003.

PONZONI, F.J.; REZENDE, A.C.P. Influência da resolução espacial de imagens orbitais na identificação de elementos da paisagem em Altamira-PA. Revista Árvore, v.26, n.4, p. 403-410, 2002.

PONZONI, F.J.; SHIMABUKURO, Y.E. Sensoriamento Remoto no estudo da vegetação. São José dos Campos: Parêntese, 2007. 144p.

RIBEIRO, M.C. et al. The Brazilian Atlantic Forest: How much is left, and how is the remaining forest distributed? Implications for conservation. Biological Conservation, v.142, n. 6, p. 1141-1153, 2009.

RIITTERS, K. et al. Global-scale patterns of forest fragmentation. Conservation Ecology, v.4, n.2, p. 3 [on-line], 2000.

RIPPLE, W. J. et al. Historical forest patterns of Oregon’s central Coast range. Biological Conservation, v.93, p. 127-133, 2000.

SANTOS, C. S. et al. Aplicações de imagens de satélite de alta resolução no planejamento urbano: o caso do cadastro técnico multifinalitário de Mata de São João, Bahia. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 15., 2011, Curitiba. Anais... p.3843-3850.

SOARES-FILHO, B.S. Modelagem da dinâmica de paisagem de uma região de fronteira de colonização amazônica. Tese (Doutorado) - Universidade de São Paulo, 1998. 299 p.

SOUZA, J. M.; LOCH, R. E. N. Refinamento do Modelo Digital de Elevação da Shuttle Radar Topography Mission - SRTM e sua qualidade cartográfica. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CADASTRO TÉCNICO MULTIFINALITÁRIO (COBRAC), 2006, Florianópolis. Anais... p. 1369-1376.

STONGE, B. A.; CAVAYAS, F. Automated forest structure mapping from high resolution imagery based on directional semivariogram estimates. Remote Sensing of Environment, v.61, p.82-95, 1997.

TABANEZ, A. A. J. et al. Conseqüências da fragmentação e do efeito de borda sobre estrutura, diversidade e sustentabilidade de um fragmento de floresta de planalto de Piracicaba, SP. Revista Brasileira de Biologia, v.57, n.1, p. 47-60, 1997.

TISCHENDORF, L. Can landscape indices predict ecological processes consistently? Landscape Ecology, v.16, p. 235-254, 2001.

VOGELMANN, J.E. Assessment of Forest Fragmentation in Southern New England using Remote Sensing and Geographic Information Systemns Technology. Conservation Biology, v.9, n.2, p. 439-449, 1995.

WELCH, R. M. et al. Impact of deforestation on the proposed Mesoamerican biological corridor in Central America. In: CONF ON HYDROLOGY, 19., AMS ANNUAL MEETING, 85, 2005, San Diego, USA. Anais…

WELL, S. Avaliação de técnicas de classificação de imagens LANDSAT na detecção de alterações do uso e cobertura das terras do município de Campinas-SP. Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento, Campinas: EMBRAPA Monitoramento por Satélite, 28p., 2006.

WENG, Q. Remote Sensing and GIS Integration: Theories, Methods, and Applications. New York: McGraw-Hill, 2010. 397p.

WICKLAND, D. E. Mission to the planet earth: the ecological perspective. Ecology, v.72, p. 1923-1933, 1991.

WULDER, M. A. et al. High Spatial Resolution Remotely Sensed Data for Ecosystem Characterization. BioScience, v.54, n.6, p. 511-521, 2004.

ZYL, J. J. V. The Shuttle Radar Topography Mission: a breakthrough in remote sensing of topography. Acta Astronáutica, v.48, p. 559-565, 2001.

Publicado
30-06-2014
Como Citar
ABREU, K. M. P. DE; COUTINHO, L. M. Sensoriamento remoto aplicado ao estudo da vegetação com ênfase em índice de vegetação e métricas da paisagem. Revista Vértices, v. 16, n. 1, p. 177-202, 30 jun. 2014.
Seção
Artigos de revisão