Moinho ambiental: dinâmicas adaptativas na Foz do Rio Paraíba do Sul

Palavras-chave: Percepção, Vínculos, Deslocamentos, Coexistências

Resumo

Este trabalho foi desenvolvido no campo interdisciplinar das pesquisas sobre a Percepção Ambiental. A problemática ambiental requer cada vez mais ampliar os debates das relações entre os seres humanos e o seu ambiente, especialmente quando considerada as mudanças climáticas, a percepção das transformações ambientais, e as interferências humanas nesse processo. Este artigo busca analisar a dinâmica de luta de moradores da praia de Atafona, distrito de São João da Barra/RJ, tendo como exemplo a erosão costeira/marinha e as inundações que afetam o cotidiano e os modos de vida dos moradores. O objetivo foi desenvolver uma análise das dinâmicas adaptativas e da percepção de moradores na “linha de frente” da erosão costeira/marinha, que ocorre no Pontal de Atafona, em São João da Barra/RJ. Neste contexto, a partir da realização de entrevistas com moradores na “linha de frente” e interlocutores da pesquisa, destacam-se algumas das dinâmicas adaptativas e modos de coexistência, com foco nos aspectos humanos no processo de organização e percepção ambiental. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leandro Fernandes Viana, Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF), Campos dos Goytacazes/RJ
Mestre em Sociologia pela Universidade de Coimbra - Portugal (2010). Doutorado em andamento em Políticas Sociais na Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF) – Campos dos Goytacazes/RJ – Brasil. E-mail: leandroviana.uenf@gmail.com.
Teresa de Jesus Peixoto Faria, Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF), Campos dos Goytacazes/RJ
Doutora em Études Urbaines - École des Hautes Études en Sciences Sociales (1998). Docente do quadro permanente do Programa de Pós-Graduação em Políticas Sociais e do Curso de Graduação em Ciências Sociais da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF) – Campos dos Goytacazes/RJ – Brasil. E-mail: teresa.uenf@gmail.com.

Referências

ACSELRAD, H. (org.). Conflito social e meio ambiente no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2004. p. 7-18.

ALVALÁ, R.; BARBIERI, A. Desastres Naturais. In: NOBRE, C. A.; MARENGO, J. A. (org.). Mudanças climáticas em rede: um olhar interdisciplinar. São José dos Campos, SP: INCT, 2017. 608 p.

AQUINO, C. Minhas Histórias de São João da Barra. 1997. São João da Barra, RJ: Cultura Goitacá Editora, 1997.

ARGENTO, M.; COSTA, D. Os impactos sócios-ambientais da praia de Atafona, litoral Norte Fluminense. In: ENCONTRO DE GEÓGRAFOS DA AMÉRICA LATINA, 10., 2005, Universidade de São Paulo, São Paulo. Anais […].

AUGÉ, M. Não-lugares: introdução a uma antropologia da sobre modernidade. Campinas: Papirus, 2007.

BALBI, A. São João da Barra do porto ao pontal. Rio de Janeiro: Sol Gráfica, 2012.

BRASIL. Resolução 510, de 07 de abril de 2016. Ética na Pesquisa na área de Ciências Humanas e Sociais. Brasília: CNS, 2016.

COSTA, F. B. Homens invisíveis: Relatos de uma humilhação social. São Paulo: Globo, 2004.

CUNHA, J. B. Atafona: formas de sociabilidade em um balneário na região Norte-Fluminense. 2007. Dissertação (Mestrado em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense, 2007.

GIULIANI, M. V. O lugar do apego nas relações pessoas-ambiente. In: TASSARA, E. T.; RABINOVICH, E. P.; GUEDES, M. C. Psicologia e ambiente. São Paulo: Educ, 2004. p. 89-106.

GOMES, R. S. A Ilha, o Mar, e a “Cidade Debaixo d’Água”: paisagens e mudanças ambientais em Atafona, RJ. 2012. 113 p. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Instituto de Geografia, Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2012.

GOMES, R. S. Atafonias: sentidos da paisagem em uma comunidade de pescadores do Norte Fluminense. 2018. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2018.

IBGE. INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. IBGE Cidades 2020. Rio de Janeiro: IBGE, 2020. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/rj/sao-joao-da-barra. Acesso em: jul. 2020.

KRENAK, A. A vida não é útil. Pesquisa e organização Rita Carelli. 1. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2020.

KUHNEN, A.; HIGUCHI, M. I. G. Percepção ambiental. In: CAVALCANTE, S.; ELALI, G. (org.). Temas básicos em psicologia ambiental. Rio de Janeiro: Vozes, 2011. p. 250-266.

LAMEGO, A. R. A bacia de Campos na geologia litorânea do petróleo. "Boletim", Divisão de Geologia e Mineralogia, Rio de Janeiro, n. 113, 1944.

LAMEGO, A. R. O Homem e o Brejo. Rio de Janeiro: Editora Lidador, 1946.

LAMEGO, A. R. O Homem e a Restinga. Rio de Janeiro: Editora Lidador, 1974.

LATOUR, B. Jamais fomos modernos: ensaio de antropologia simétrica. Rio de Janeiro: Ed. 34, 1994. 152p. Cap.1 e 2, p. 7-52.

MAR avança em Atafona. Folha1, Folha na Foz, Campos dos Goytacazes, 21 mar. 2019. Disponível em http://www.folha1.com.br/_conteudo/2019/03/na_foz/1245924-mar-avanca-em-atafona-e-derruba-muro-da-casa-de-sonia-ferreira.html. Acesso em: 13 jun. 2019.

MARANDOLA JR.; HOGAN, D. J. Vulnerabilidade do lugar vs. vulnerabilidade sociodemográfica. R. bras. Est. Pop, Rio de Janeiro, v. 26, n. 2, p. 161-181, 2009.

MARIN, A. A. Pesquisa em educação ambiental e percepção Ambiental. Pesquisa em Educação Ambiental [online], v. 3, n. 1, p. 203-222, 2008.

MARIN, A. A.; LIMA, A. P. Individuação, percepção, ambiente: Merleau-Ponty e Gilbert Simondon. Educação em Revista, v. 25, n. 3, 2009. DOI: https://doi.org/10.1590/S0102-46982009000300013

MARTINS, F. J. Historia do descobrimento e povoação da cidade de S. João da Barra e dos Campos dos Goytacazes antiga Capitania da Parahyba do Sul e da causa e origem do levante denominado - dos Fidalgos - acontecido no meado do século passado. Dividida em tres partes. Campos dos Goytacazes, RJ: Essentia, 2019. 266 p., il. (Série Memórias Fluminenses, v. 4).

MERLEAU-PONTY, M. Fenomenologia da percepção. São Paulo: Martins Fontes. 1999.

MORIN, E. Os sete saberes necessários à educação do futuro. Tradução de Catarina Eleonora F. Da Silva e Jeanne Sawaya. 2. ed. São Paulo: Cortez; Brasília: UNESCO, 2000.

MUEHE, D.; LIMA, C. F.; LINS DE BARROS, F. M. Rio de Janeiro. In: MUEHE, D. (org.). Erosão e progradação do litoral brasileiro. Brasília, DF, Brasil: Ministério do Meio Ambiente. MMA, Programa de Geologia e Geofísica, PGGM, 2006. p. 265-296. ISBN: 8577380289.

NETO, A. SOS Atafona vai à Justiça por indenização milionária e tombamento da praia. Folha1, São João da Barra, 25 jun. 2020. Disponível em: https://www.folha1.com.br/_conteudo/2020/06/blogs/blogdoarnaldoneto/1262971-sos-atafona-vai-a-justica-por-indenizacao-milionaria-e-tombamento-da-praia.html. Acesso em: 27 jun. 2020.

NORONHA, J. Atafona: sua historia, sua gente. Campos dos Goytacazes: Academia Campista de Letras, 2007.

NORONHA, J. Uma Dama Chamada Atafona. Campos dos Goytacazes: Cultura Goitacá, 2003.

OSCAR, J. Apontamentos para a História de São João da Barra. Teresópolis, RJ: Minigráfica, 1977.

OSCAR, J. Introdução à História Literária de São João da Barra. Teresópolis: Minigráfica, 1972.

PINHEIRO, J. Q. Psicologia Ambiental: a busca de um ambiente melhor. Estud. Psicol. [online], Natal, v. 2, n. 2, p. 377-398, 1997. DOI: https://dx.doi.org/10.1590/S1413-294X1997000200011.

PINHEIRO, J. Q. Psicologia ambiental brasileira no início do século XXI: sustentável? In: PINHEIRO, J. Q. Construindo a Psicologia Brasileira: desafios da ciência e prática psicológica. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2003. p. 279-313.

PITREZ, M. C. Calmaria" e "Alvoroço" no encontro das águas: ritmo e pertencimento entre pescadores e veranistas na praia de Atafona, RJ. Rio de Janeiro: FAPERJ, 2014.

RELPH, E. C. As bases fenomenológicas da Geografia. Geografia, Rio Claro, v. 4, n. 7, p. 1-25, 1979.

RIBEIRO, A. C. Projeto de Extensão da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro – UENF. Coordenação Alcimar das Chagas Ribeiro Professor do Laboratório de Engenharia de Produção. 2014.

RIBEIRO, G. P. (org.) Mapeamento digital da área urbana na frente erosiva em Atafona e progradacional em Grussaí, São João da Barra (RJ): impactos urbanos e ambientais. In: SIMPÓSIO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO E TECNOLOGIA, SEGeT, 2018. Disponível em: www.aedb.br/seget/arquivos/artigos06/413_ModeloSeget_Gilberto.pdf. Acesso em: 2018.

RIBEIRO, G. P. et al. Análise Espaço-Temporal no Suporte à Avaliação do Processo de Erosão Costeira em Atafona, São João da Barra (RJ). Revista Brasileira de Cartografia, Presidente Prudente, SP, v. 1, n. 56, p. 129-138, 2004.

RIBEIRO, G. P.; ROSAS, R. O. Mapeamento digital de Erosão em Atafona e Progradação em Grussaí, São João da Barra, RJ. Geodésia Online, v. 2, p. 1-2, 2006.

SOFFIATI, A. A História da Lagoa Feia através da cartografia. In: SEMINÁRIO REGIONAL SOBRE GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS, 4., 2014. Anais […]. v. 1.

SOFFIATI, A. Águas de Baixada: angústia social. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 10., outubro 1996, Caxambu. Anais […]. Rio de Janeiro: Associação Brasileira de Estudos Populacionais, 1996a.

SOFFIATI, A. O nativo e o exótico: perspectivas para a história ambiental na ecorregião Norte-Noroeste fluminense entre os séculos XVII e XX. Rio de Janeiro: IFCS/UFRJ, 1996b.

SOFFIATI, A. Breve história da globalização ocidental e seus custos ambientais. Revista de Geografia e Ecologia Política, Ambientes, 2020. Disponível em: http://erevista.unioeste.br/index.php/ambientes/article/view/24225.

SOFFIATI, A. Chuvas e cheias na região, há 10 anos e agora. Jornal Folha da Manhã, Campos dos Goytacazes, 2018. Caderno Opiniões, p. 1.

SOFFIATI, A. O manguezal do rio Paraíba do Sul em Atafona. Campos dos Goytacazes: Outras Palavras. Folha Blogs. 2017. p. 1. Atualizado jan. 2017. Acesso em: 26 fev. 2018.

SOUZA, D. B.; MARTINEZ, S. Educação comparada: Rotas do além mar. São Paulo: Xamã, 2009.

TUAN, Y. Structuralism, Existentialism and Environmental Perception. Environment and Behavior, v. 4, p. 319-331, Sep. 1972.

TUAN, Y. Espaço e lugar: a perspectiva da experiência. São Paulo: Difel, 1983.

TUAN, Y. Topofilia: um estudo da percepção, atitudes e valores do meio ambiente. São Paulo: DIFEL, 1980. 288 p.

VALENCIO, N. et al. Sociologia dos desastres: construção, interfaces e perspectivas no Brasil. São Carlos: Rima, 2009. E-book. Disponível em http://www.ufscar.br/neped/pdfs/livros/livro-sociologia-dos-desastres-versao-eletronica.pdf. Acesso em: 4 jan. 2020.

VALENCIO, N.; SIENA, M.; MARCHEZINI, V. Abandonados nos desastres: uma análise sociológica de dimensões objetivas e simbólicas de afetação de grupos sociais desabrigados e desalojados. Brasília: Conselho Federal de Psicologia, 2011.

Publicado
30-04-2021
Como Citar
VIANA, L. F.; FARIA, T. DE J. P. Moinho ambiental: dinâmicas adaptativas na Foz do Rio Paraíba do Sul . Revista Vértices, v. 23, n. 1, p. 180-200, 30 abr. 2021.
Seção
Dossiê Temático: "Riscos e Desastres Socioambientais"