“Banco de Preservativos”: uma avaliação das ações desenvolvidas

Autores

  • Viviane Aparecida Siqueira Lopes Universidade Federal Fluminense (UFF)
  • Érica Alves Rangel
  • Aline do Nascimento Pereira

DOI:

https://doi.org/10.5935/1809-2667.20120065

Palavras-chave:

Avaliação de Políticas, Projetos Sociais, Projeto “Banco de Preservativos”, Desempenho

Resumo

Este artigo apresenta uma avaliação das ações desenvolvidas por um projeto de extensão universitária, realizado pelo Curso de Serviço Social da Universidade Federal Fluminense, em parceria com a Secretaria de Saúde/ Programa DST-HIV-Aids do município de Campos dos Goytacazes/RJ, intitulado “Banco de Preservativos da UFF-Campos”. A avaliação é realizada em uma dimensão quanti-qualitativa, sendo analisado o número de atividades educativas e de plantões do projeto realizados, o número de universitários presentes nas ações educativas, o número de cadastros para recebimento mensal de kit de preservativos, a média de efetivação da busca mensal; e também, consideradas as opiniões dos universitários sobre o projeto, a partir da aplicação de questionários. Os resultados expressam um bom desempenho do projeto, quando seus objetivos, em modo geral, são alcançados e quando é expresso o reconhecimento de sua importância, pelos universitários.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Viviane Aparecida Siqueira Lopes, Universidade Federal Fluminense (UFF)

Bacharel em Serviço Social pela Universidade Federal Fluminense (UFF); Mestre em Saúde Pública pela Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/FIOCRUZ); Professora-Adjunta da Universidade Federal Fluminense (UFF) – Campos dos Goytacazes, RJ - Brasil. E-mail: vivianeviviane@uol.com.br.

Érica Alves Rangel

Aluna de 9o. período do curso de Serviço Social da Universidade Federal Fluminense (UFF) - Campos dos Goytacazes, RJ - Brasil, em 2012 e Bolsista de Extensão da UFF, no período 2010-2011. E-mail: erica-alves20@hotmail.com.

Aline do Nascimento Pereira

Aluna do 9o. período do curso de Serviço Social da Universidade Federal Fluminense (UFF) - Campos dos Goytacazes, RJ - Brasil, em 2012 e inserida no programa de Estagio Interno e Bolsa Treinamento da UFF, no período 2010-2011. E-mail: linenpereira@hotmail.com.

Referências

ARRETCHE, Marta T. S. Tendências no estudo sobre avaliação. In: RICO, Elizabeth Melo (Org). Avaliação de políticas sociais: uma questão em debate. São Paulo: Cortez, 1998. p. 29-40.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Cartilha sobre Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos. Brasilia, 2005.

BRASIL. Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais. Camisinha burocrática. Correio Brasiliense, 19 jun. 2010. Disponível em: <http://www.aids.gov.br/noticia/camisinha-burocratica>. Acesso em: 15 nov. 2012.

COHEN, Ernesto; ROLANDO, Franco. Avaliação de projetos sociais. 3. ed. Petrópolis: Vozes, 1999.

FARIA, Regina M. Avaliação de programas: evoluções e tendências. In: RICO, Elizabeth Melo (Org). Avaliação de políticas sociais: uma questão em debate. São Paulo: Cortez, 1998. p. 41- 50.

FILGUEIRAS, Cristina Almeida Cunha. Avaliação de programas: oportunidade para a institucionalidade social. Serviço Social & Sociedade, São Paulo: Cortez, v. 28, n. 90, p.154-168, jun. 2007.

INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS SOCIAIS E POLÍTICAS. Universidade Técnica de Lisboa. Avaliação. Disponível em: <http://www.iscsp.utl.pt/index.php?option=com_con tent&view=article&id=153&Itemid=237>. Acesso em: 15 nov. 2012.

INSTITUTO TECNOLÓGICO DA AERONÁUTICA. Divisão de Alunos. Verificação de Aproveitamento Escolar. São José dos Campos, SP, p.1-4. Disponível em: http://www.adm.ita.br/faq/verificacao_de_aproveitamento_escolar.php. Acesso em: 15 nov. 2012.

PAIVA, Vera; PUPO, Lígia Rivero; BARBOZA, Renato. O direito à prevenção e os desafios da redução da vulnerabilidade ao HIV no Brasil. Revista de Saúde Pública, São Paulo, v. 40 sup., p.109-119, 2006.

PEREZ, José Roberto Rus. Avaliação do processo de implementação: algumas questões metodológicas. In: RICO, Elizabeth Melo (Org). Avaliação de políticas sociais: uma questão em debate. São Paulo: Cortez, 1998. p. 65-74.

PESTANA, Maria Inês Gomes de Sá.Avaliação educacional – o sistema de avaliação da educação básica. In: RICO, Elizabeth Melo (Org). Avaliação de políticas sociais: uma questão em debate. São Paulo: Cortez, 1998. p. 53-64.

SILVA, Lígia Maria Vieira da. Conceitos, abordagens e estratégias para a avaliação em saúde. In: HARTZ, Zulmira Maria de Araújo; SILVA, Lígia Maria Vieira da. Avaliação em saúde: dos modelos teóricos à prática na avaliação de programas e sistemas de saúde. Salvador: EDUFBA; Rio de Janeiro: FIOCRUZ, 2005. p. 15-39.

SISTEMA AULA. Sistema de Gestão Acadêmica. Converter Nota para Conceito. Disponível em: <http://www.sistemaaula.com.br/faq?View=entry&EntryID=147>. Acesso em: 15 nov. 2012.

UNESCO. Grupo de Pesquisa e Avaliação. Pesquisa Saúde e Educação: cenário para a cultura de prevenção nas escolas. Belo Horizonte, MG, nov. 2006, p. 1-36.

UNIVERSIDADE NORETE DO PARANÁ. Manual Acadêmico 2011-12. p. 9-10. Disponível em: <http://www.unoparvirtual.com.br/manual-academico-2011-2.pdf>. Acesso em: 15 nov. 2012.

Downloads

Publicado

02-05-2013

Como Citar

SIQUEIRA LOPES, V. A.; RANGEL, Érica A.; PEREIRA, A. do N. “Banco de Preservativos”: uma avaliação das ações desenvolvidas. Revista Vértices, [S. l.], v. 14, n. 3, p. 153–182, 2013. DOI: 10.5935/1809-2667.20120065. Disponível em: https://essentiaeditora.iff.edu.br/index.php/vertices/article/view/1809-2667.20120065. Acesso em: 28 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais